4 dicas para elaborar uma boa estratégia de e-mail marketing

Tempo de leitura: 2 minutos

Utilizar o e-mail marketing para estimular seus leads a seguirem em frente dentro da jornada de compra até se tornarem clientes é muito comum dentro do marketing digital e gera bons resultados.

Mas, como fazer para turbinar a estratégia de e-mail marketing conseguindo, efetivamente, aumentar as taxas de conversão sem ficar importuno? Veja neste post 4 dicas para ajudar você a acertar na estratégia!

1. Entenda o motivo de usar e-mails

O e-mail é um contato pessoal. Se sua empresa tem acesso ao e-mail de uma pessoa que forneceu esse endereço eletrônico por vontade própria, quer dizer que as chances desse consumidor querer se comunicar com você são grandes.

Além disso, o e-mail marketing é altamente personalizável e valioso no sentido de nutrir seus contatos com informações de seu interesse. Isso faz do e-mail uma ótima ferramenta para a captação e manutenção de clientes.

2. Segmente a sua base de contatos

Você pode segmentar seus e-mails baseando-se no perfil do usuário como, por exemplo, apenas gerentes de RH, ou no comportamento do usuário, que pode ser uma pessoa que não clicou em nenhum de seus e-mails no último mês, ou que já clicou em um call-to-action, mas não realizou a compra, etc.

Separar sua base de contatos é um passo fundamental para conseguir mandar o conteúdo certo para a pessoa certa. Você não deve enviar conteúdos superficiais para uma pessoa que já chegou a quase comprar seu produto. Da mesma forma, não seria interessante pressionar alguém que nunca abre os seus e-mails.

Estratégias diferentes e conteúdos diferenciados devem seu usados para cada grupo de leads, isso aumenta as chances de sucesso de suas campanhas de e-mail marketing.

3. Invista em um bom conteúdo e na forma de se comunicar

Se você enviar e-mails sobre os assuntos que o seu consumidor têm interesse — claro, atentando-se à frequência dos envios — sua empresa nunca será inconveniente, pelo contrário, ganhará mais confiança e gerará mais interesse no lead. Investir no que o cliente quer ler influencia muito no sucesso da campanha.

4. Realize testes A/B para melhorar os resultados

Esse tipo de teste visa mandar duas versões de um mesmo e-mail para leads diferentes e analisar quais tiveram mais sucesso. Por exemplo, mudar a cor, posição, tamanho ou formato de um botão call-to-action, alterar o título do e-mail, as imagens, entre outros elementos.

Para montar uma boa estratégia de e-mail marketing é essencial montar um bom  planejamento, com objetivos claros, tipos de assuntos que serão abordados, frequência, etc. Os e-mails não devem ser enviados a esmo, devem seguir uma ordem pré-estabelecida no planejamento.

Por isso, defina objetivos e metas, segmente seus leads, utilize conteúdos realmente interessantes para seu público e faça testes para melhorar sua taxa de abertura e de conversão.

Se você gostou deste post sobre dicas para a elaboração de uma boa estratégia de e-mail marketing, aproveite para seguir agora mesmo as nossas páginas nas redes sociais e acompanhar as nossas atualizações: estamos no Facebook, no Twitter e também no LinkedIn!

Saiba mais sobre inbound marketing

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *

6.375 Spam Comments Blocked so far by Spam Free Wordpress

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>